Arquivo do dia: abril 14, 2016

metrópole

o tempo é o corpo cada nervura ou espaço reto, torto expande, contrai sístoles-diástoles ritmadas às curvas do olor que passa, maltrata não há resposta outra se não o breu para que beba, fartamente o imenso volume-volúpia a preencher cilindricamente … Continuar lendo

Publicado em misturas | Deixe um comentário