cabeça

de prego, agulha, alfinete
de vento
de pau
da empresa, do esquema
do capítulo, matéria, poema
do crime: a inteligência
em parafuso
perdida
quebrada
inchada
exaltada
explodindo
erguida ou fresca
num susto, quando é busto
feita, raspada
sagitários, lado a lado na linha de chegada
é o papo
onde nasce o próximo plano
ou talvez um engano
para me justificar.

Sobre Rodolfo Araújo

Jornalista, amante do teatro, um (des)crente (in)constante.
Esse post foi publicado em misturas. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s